• Carlos Eduardo Sales

Ginástica laboral: tipos e objetivos



Trabalhar oito horas por dia, muitas vezes na mesma posição, realizando atividades repetitivas ou esforços sem controle ergonômico. Essa é realidade de grande parte dos trabalhadores brasileiros, que cada vez mais se queixam de dores.


A ginástica laboral vem para minimizar esses problemas. Segundo o Conselho Federal de Educação Física, o objetivo dessa atividade é “proporcionar ao funcionário uma melhor utilização de sua capacidade funcional através de exercícios de alongamento, de prevenção de lesões ocupacionais e dinâmicas de recreação”.


Ela nada mais é do que a prática de atividades físicas dentro do ambiente da empresa, realizadas durante o expediente para melhorar a disposição do trabalhador. Para ser mais eficiente, é preciso que um profissional de educação física capacitado coordene as atividades, adapte-as para cada público e para o ambiente, com exercícios voltados para as necessidades dos empregados.


Tipos de ginásticas laborais


  • Ginástica preparatória: são os exercícios realizados no início da jornada de trabalho com o objetivo de aquecer os grupos musculares e preparar os empregados para as tarefas que serão realizadas. Isso aumenta a circulação sanguínea, oxigena a musculatura, desperta a mente e aumenta a disposição e capacidade de concentração. Geralmente, possui duração de 10 a 20 minutos.

  • Ginástica de relaxamento: realizada no final do expediente para relaxar os músculos exigidos ao longo do dia. Os alongamentos têm o objetivo de evitar o acúmulo de ácido lático e prevenir possíveis lesões. Também possui duração de 10 a 20 minutos

  • Ginástica compensatória: interrompe a monotonia operacional para executar exercícios específicos e compensar os esforços repetitivos e as posições inadequadas dos postos de trabalho. Tem a mesma duração das anteriores.


Principais objetivos


A ginástica laboral se baseia em duas grandes atividades: preventivas e corretivas. As duas são muito importantes para evitar lesões e cuidar da saúde do trabalhador.


  • Preventivo: como o próprio nome diz, busca evitar que ocorram problemas de saúde decorrentes das atividadesas realizadas. Trabalha com exercícios aeróbicos e anaeróbicos, que visam melhorar a resistência cardiovascular e respiratória. Outro efeito é a queima de calorias, que ajuda os empregados acima do peso e previne o risco de diabetes tipo II, agravada pela presença de excesso de tecido adiposo.

  • Corretivo: o foco aqui é na otimização da ergonomia do trabalho, atuando nos efeitos negativos das atividades realizadas. Se alguém trabalha com carregamento de peso, por exemplo, pode enfrentar muitas dores musculares e problemas de articulação. Nesse tipo de atividade, o bíceps é muito forçado. Para contrabalancear, a ginástica laboral fortalece o tríceps e diminui os efeitos da flexão do braço sobre a articulação do cotovelo.

Siga-nos nas redes sociais

  • Facebook Ativ Laboral
  • LinkedIn Ativ Laboral

Análise e gestão ergonômica para empresas

 

A Ativ Laboral é especialista em análise, gestão e assistência ergonômica para empresas, oferecendo soluções que criam e fortalecem uma estrutura focada em qualidade de vida no trabalho e melhoria da produtividade das equipes.